Notícias

Fortnite é o jogo mais bem sucedido em qualquer console

Fortnite é o jogo mais bem sucedido em qualquer console

Fortnite é o jogo mais bem sucedido em qualquer console, e se manteve assim por mais de um ano, mas não está indo tão bem proporcionalmente a como estava antes. De acordo com novos dados do grupo de pesquisa SuperData, os ganhos totais de Fortnite do ano estão 38% menores que de maio de 2018 para $203 milhões (R$740 milhões), que é descrito como “longe de seu auge”. Mas dezembro de 2018 foi o mês mais forte do jogo, em que ele arrecadou $69 milhões (R$ 250 milhões) e foi baixado 5.2 milhões de vezes. Contos do lento declínio do Fornite são mencionados há um tempo. Agora, os dados indicam que Minecraft está liderando em questão de popularidade, mas o mais interessante nos dados do SuperData são que os gastos em jogos digitais caíram em todas as plataformas.

FIFA Ultimate Team também caiu ano após ano, para $93 milhões (R$350 milhões), apesar de comparações diretas são difíceis de serem realizadas graças à Copa do Mundo no ano passado. Apesar de ser desconsiderado por muitos jogadores, PlayerUnknown’s Battlegrounds vendeu 4.7 milhões de cópias durante o ano, mas não alcançou o top 10 em nenhum formato, assim como o Apex Legends da EA. Enquanto isso, o cenário chinês para Total War: Three Kingdoms observou seu maior sucesso, quase ultrapassando Fortnite em termos de lucros digitais no PC com a estimativa de $62 milhões (RS$ 230 milhões).

Mundialmente, as pessoas gastaram $8,7 bilhões (R$ 32 bilhões) em jogos digitais no último ano em consoles, PC e celulares móveis. Parece muito, mas é 4% menos do que no ano anterior, com o lucro de jogos de celulares 6% menor – o que é um problema quando os celulares móveis são um mercado maior que consoles e PC combinado. O SuperData não oferece explicação para as quedas, apesar de fazer tempo desde que jogos móveis tiveram tanto impacto como sucessos constantes como Candy Crush Saga, Clash of Clans, e Pokémon GO. Isso pode criar uma oportunidade para o novo Harry Potter: Wizards Unite, mas ainda veremos se ele poderá reverter as tendências do ano passado.